Para reduzir a vergonha dos Portugueses

Informações recentes no universo dos bolseiros. Notícias da imprensa sobre ciência são também bem-vindas.
Responder
Torgal
cientista sempre presente
cientista sempre presente
Mensagens: 1199
Registado: quarta dez 09, 2015 8:17 am
University/ Institute: Minho

Para reduzir a vergonha dos Portugueses

Mensagem por Torgal » segunda mai 13, 2019 7:15 pm

Já vai sendo tempo dos senhores deputados e deputadas deixarem de brincar às Comissões Parlamentares que mais parecem conversas de café e o mais cedo possível arranjarem local adequado que permita que os Portugueses se sintam representados com um mínimo de dignidade, como sucede por exemplo nas sessões do Senado Norte-Americano, em que os representantes eleitos pelo povo estão bem acima daqueles que lá são chamados a prestar contas, como bem se percebe por exemplo pela foto no link https://www.docdroid.net/LGrldfS/senate.pdf na qual aquele Sr. 80.000 milhões USD, dono do Facebook, aparece quase meio metro abaixo dos senadores, numa imagem de incalculável valor simbólico.

Que o Sr. Berardo lá vá fazer piadas até se engole, desde que ele o faça porém tendo que falar de baixo para cima, para que ele (e todos os outros piadistas que lá costumam ir) não se esqueçam do lugar que realmente ocupam.



_______________________________________________________________________
De: F. Pacheco Torgal
Enviado: 11 de Maio de 2019 8:19
Assunto: A indignação do Pacheco Pereira

https://www.publico.pt/2019/05/11/socie ... as-1872211

Hoje o Pacheco Pereira desperdiça um artigo unicamente com um episódio que ocorreu na queima das fitas do Porto. O episódio em questão não merece artigo algum porque se trata apenas de adultos envolvidos em actos que não são de molde a suscitar tanta comoção, como é por exemplo aquilo que dizem ninguém quer ver aqui
https://www.sabado.pt/portugal/detalhe/ ... m-quer-ver
ou por exemplo a inominável pouca vergonha referida no email abaixo e bem assim o degradante espetáculo que foi a audiência do Sr. Joe Berardo na Assembleia da República, aquele senhor que se permitiu ir lá dizer que não tem dividas e até quis ajudar os bancos, isto sim é que é a tal "jabardice" a que se queria referir o Pacheco Pereira. Não vou dizer como alguém disse que precisamos de uma Constituição integralmente nova mas acho que precisamos no mínimo de alterar nesta algo fundamental, que é a substituição do sistema de justiça por um outro decente baseado na muito expedita Common Law, que permitirá que os Portugueses não sejam obrigados a conviver ou a assistir a estes nojentos espetáculos.

Responder