Highly Cited Researchers 2018

Informações recentes no universo dos bolseiros. Notícias da imprensa sobre ciência são também bem-vindas.
Responder
Torgal
cientista sempre presente
cientista sempre presente
Mensagens: 1135
Registado: quarta dez 09, 2015 8:17 am
University/ Institute: Minho

Highly Cited Researchers 2018

Mensagem por Torgal » quarta out 10, 2018 6:16 am

https://feedback.hcr.clarivate.com/#freeText%3Dportugal

Abaixo a lista provisória que será confirmada pela Clarivate Analytics no próximo mês de Novembro.

Univ. Nova (Jorg Henseler)
Univ de Évora (P.Areias, Mário Araújo)
Univ. Lisboa (Luis Pereira, José Biouca-Dias, A. Philips, Mário Figueredo)
Polit de Bragança (Letícia Estevinho, Lilian Barros e Isabel Ferreira)
Univ. Minho (José Teixeira, António Vicente, Miguel Cerqueira, Nuno Peres)


Com três HCRs o Politécnico de Bragança é um caso singular (ainda para mais tendo em conta a estranha ausência da Universidade do Porto e de Coimbra) liderando em termos do rácio HCR/Docente ETI e que justifica ainda mais a sugestão feita no email abaixo de 18 de Setembro. Infelizmente aos Colegas acima nomeados ninguém lhes vai pagar um cêntimo a mais no vencimento e tão pouco a Presidência da República os vai agraciar com a mesma distinção que deu ao Sousa Lara, o tal subsecretário de estado que contribuiu para que o Saramago fosse viver para a Espanha https://observador.pt/2016/02/18/cavaco ... -saramago/


________________________________________________________________________
De: F. Pacheco Torgal
Enviado: 30 de Setembro de 2018 20:22
Assunto: Portugal versus Espanha__Top 500 do ranking Shanghai por áreas

https://www.docdroid.net/RX2xh1G/portug ... anking.pdf

Tão ou mais importante do que saber-se porque é que em certas áreas a Universidade Lisboa não consegue aparecer no Top 500 ao contrário do que sucede com algumas universidades espanholas menores quer em dimensão quer em prestigio (Múrcia ou Navarra, lugares 44 e 53 do ranking Scimago IberoAmericano onde a ULisboa ocupa o 2º lugar, sendo porém ranking muito menos competitivo do que o ranking Shanghai) é também relevante saber-se porque é que Portugal têm apenas 7 instituições de ensino superior com áreas nas primeiras 150 posições do referido ranking Shanghai enquanto que a Espanha têm 31. Ou porque é que a Universidade do Porto (6º lugar IBER) têm 7 áreas nas primeiras 150 posições do ranking Shanghai um valor que é inferior ao das universidades politécnicas da catalunha (16º lugar IBER) e Valência (20º lugar IBER) ?


______________________________________________________________________
De: F. Pacheco Torgal
Enviado: 18 de Setembro de 2018 12:49
Assunto: Universidade Técnica de Bragança

Em face dos resultados abaixo será que seria absurdo reclassificar o Politécnico de Bragança como Universidade e retirar a classificação de universidade a todas aquelas universidades que lá não estão representadas despromovendo-as a Institutos Universitários ?

E será que a proposta do MCTES de só vir a permitir doutoramentos a unidades classificadas com Muito Bom e Excelente não irá fazer isso mesmo ou até pior ? Se essa regra fosse aplicada hoje quantas instituições perderiam o estatuto de universidade ?

Revisite-se neste contexto a denúncia feita no link abaixo, tornada pública há alguns meses atrás, e da autoria do conhecido João Vasconcelos Costa, principalmente na Parte II https://www.docdroid.net/PRrzaaJ/2018-j ... pdf#page=3

Responder