Pitfalls and drawbacks in engineering education in Russia

Informações recentes no universo dos bolseiros. Notícias da imprensa sobre ciência são também bem-vindas.
Responder
Torgal
cientista sempre presente
cientista sempre presente
Mensagens: 1274
Registado: quarta dez 09, 2015 8:17 am
University/ Institute: Minho

Pitfalls and drawbacks in engineering education in Russia

Mensagem por Torgal » sábado jun 08, 2019 9:06 am

"In terms of the number of the articles published with the public funding, Russia ranks 74th, which is inferior in this indicator to the countries-innovators. The result of the Russian Federation is comparable to the results of countries such as Rwanda (72), Pakistan (75), Botswana (76)."
http://www.engineeringscience.rs/images ... -19097.pdf

É uma pena que os autores não tenham perdido algum tempo a pesquisar o desempenho da Rússia no que respeita aos artigos do grupo "Top 0.1% most cited" na Web of Science. Lista abaixo. A grande e poderosa Rússia aparecer com desempenho muito inferior ao da Roménia não é exactamente aquilo que se espera de um país com planos para colocar 5 universidades no Top 100 conforme comentado no email abaixo.
Ratio (Papers (Top 0.1%)/ million people)

1-Iceland...........53.8
2-Luxembourg…..39.7
3-Switzerland.…..27.6
4-Denmark……....25.1
5-Sweden……...…18.4
6-Netherlands....17.5
7-Norway……...….16.9
8-Belgium…….…..15.3
9-Australia…….….14.8
10-Finland………...14.2
11-Austria………...12.9
12-New Zealand..11.9
13-Canada…….…….9.6
14-Slovenia..........8.6
15-Cyprus………..….8.5
16-Spain…………..….5.9
17-Portugal…….……5.8
18-Germany………..5.8
19-Hungary………….5.5
20-Greece……….….5.0
21-France……….…..5.0
22-Italy…………….…4.8
23-Czech Republ…4.8
24-Lithuania………..3.1
25-Latvia.............3.0
26-Croatia...........2.6
27-Poland……….…..2.6
28-Romenia.........1.9
29-Russia............0.8



______________________________________________________________________
De: F. Pacheco Torgal
Enviado: 7 de Junho de 2019 9:01
Assunto: O plano do Sr. Putin para colocar 5 universidades no Top 100

Quando no final de Fevereiro de 2017 comentei o artigo abaixo nem sequer me pronunciei sobre o tal plano do Sr. Putin que em 2012 teve uma epifania e decidiu que em 2020 a Russia iria ter 5 universidades no Top 100. Antes de ter comentado o artigo em causa, tinha trocado uns emails com um tal Alexander Terekhov, da Academia Russa de Ciências, autor de um artigo de Janeiro de 2017 com o título "Bibliometric spectroscopy of Russia’s nanotechnology" que não dizia boas coisas dos progressos da ciência Russa. E há pouco tempo alguém vaticinou que a probabilidade do plano do Sr. Putin ter sucesso é de zero por cento https://www.universityworldnews.com/pos ... 2154128208 o vaticinador esqueceu-se porém que há por aí um ranking da treta que vende estrelas aos endinheirados que as possam pagar e que para aquelas universidades que muitas estrelas possuem o cêu é o limite.

Responder