Registar    Entrar    Fórum    Pesquisar    FAQ     RSS

Índice do Fórum » Geral » Novidades, Notícias e Avisos





Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 1 mensagem ] 
Autor Mensagem
 Assunto da Mensagem: Sopranos e líricos Americanos e os corrompidos portugueses
 Mensagem Enviado: Quinta Dez 06, 2018 9:09 pm 
Offline
cientista sempre presente
cientista sempre presente

Registado: Quarta Dez 09, 2015 8:17 am
Mensagens: 541
Universidade/ Instituto: Minho
A terra do Sr. Trump pode ser criticável em muitos aspectos mas não é na rapidez com que fazem acusações, como esta semana se ficou a saber pelo Washington Post sobre alguns implicados nos tais papéis do Panamá https://www.washingtonpost.com/pb/natio ... 502633846f

a parte mais interessante das acusações dos Procuradores dos EUA é que os acusados rapidamente desenvolvem capacidade de canto coral, bizarro fenómeno que a ciência devia estudar. A rapidez com que o advogado do Sr. Trump imitou a Maria Callas devia também merecer estudo por parte da comunidade académica.

Já nós por cá não temos tal sorte porque em regra os acusados remetem-se a um profundo voto de silêncio para grande desgosto do país que adoraria ouvir o Sr.Salgado, o Sr. Socrates e tutti quanti acusados no processo Marquês a tentar imitar a lírica Luisa Todi. Mas também isso não deve causar admiração porque neste país é tudo muito singular pois que o nosso sistema de justiça não foi capaz de descobrir corrompidos no caso dos submarinos, no mesmo caso em que a Alemanha conseguiu descobrir e condenar os corruptores (vide 1º parágrafo da pág 131 do doc de 159 páginas da OCDE intitulado "WORKING GROUP ON BRIBERY IN INTERNATIONAL BUSINESS TRANSACTIONS" http://www.oecd.org/officialdocuments/p ... F/WGB(2018)27/FINAL&docLanguage=En

Neste contexto saudam-se as recentes palavras do Presidente da República que disse: “É essencial que seja normal que quem exerça cargos públicos não saia deles mais rico do que entrou, nem saia para lugares que se prestem a ser pagamento de favores anteriores, nem se rodeie de parentes e próximos” as quais são preocupantes porque parecem indiciar algum irregular funcionamento das instituições que aquele está obrigado a garantir mas também inconsequentes porque o nosso sistema jurídico (ao contrário do Norte-Americano) inspirado por quem muito ingenuamente pensou que era possível recriar o paraíso na Terra revelou-se muito amigo da impunidade.



_____________________________________________________________________
De: F. Pacheco Torgal
Enviado: 5 de Dezembro de 2018 15:09
Assunto: "wealth inequalities are as immoral as they are grotesque"

Citação acima de Eurodeputado Alemão na pág 24 do tal relatório de 196 páginas "Sustainable Equality-2019-2024" cujo link para o sumário executivo foi ontem enviado. Não deixa de ser bastante agradável ler que entre as medidas mais emblemáticas se recomenda a criação de uma Agencia Europeia especializada em crimes financeiros e fiscais, pág. 86. Nem que fosse só por causa do visceral ódio Alemão contra os criminosos financeiros e fiscais (que chega ao extremo de aceitarem pagar alguns milhões de euros por uma lista de nomes roubada) já merecia a pena pertencer à União Europeia. Não fora esse ódio e a ladroagem financeira e fiscal europeia (muita dela Portuguesa) viveria num paraíso de absoluta impunidade. Eu não engulo a infantil e quase acéfala patranha que reza que aqueles que trouxeram vários milhares de milhões de euros de volta à pátria por conta do regime amigo do crime de sigla RERT o fizeram para aproveitar a possibilidade de pagar um baixo imposto, porque para essa malta mesmo uma baixo imposto é muito mais caro do que imposto zero. Acredito sim que o fizeram porque perceberam que os off-shores já foram mais seguros do que são agora. E também porque o precedente de um juiz Alemão ter determinado que a evasão fiscal acima de 1 milhão de euros é coisa grave que merece cadeia, da Alemanha ter andado a comprar listas de evasores fiscais e dos próprios EUA terem criado em 2010 uma disposição no âmbito da Dodd Frank Act que paga milionariamente a denunciadores sempre que estejam em causa infracções financeiras acima de 1 milhão de dólares são tudo coisas que geram um elevado nível de inseguranças em quem faz vida do crime financeiro e fiscal.


Topo 
 Perfil  
Resposta com citações  
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
 
Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 1 mensagem ] 

Índice do Fórum » Geral » Novidades, Notícias e Avisos


Quem está ligado

Utilizadores a navegar neste fórum: Nenhum utilizador registado e 6 visitantes

 
 

 
Criar Tópicos: Proibído
Responder Tópicos: Proibído
Editar mensagens: Proibído
Apagar mensagens: Proibído
Enviar anexos: Proibído

Pesquisar por:
Ir para:  
Alojamento oferecido por David A.