Registar    Entrar    Fórum    Pesquisar    FAQ     RSS

Índice do Fórum » Geral » Novidades, Notícias e Avisos





Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 1 mensagem ] 
Autor Mensagem
 Assunto da Mensagem: O ranking da treta que a imprensa Portuguesa adora
 Mensagem Enviado: Segunda Dez 03, 2018 2:10 pm 
Offline
cientista sempre presente
cientista sempre presente

Registado: Quarta Dez 09, 2015 8:17 am
Mensagens: 541
Universidade/ Instituto: Minho
A mesma imprensa que desprezou solenemente o facto de recentemente se ter sabido que Portugal tem um elevado número de highly cited researchers e do que isso significa no próximo ranking Shanghai mostra-se hoje hipnotizada pelo desempenho das escolas de gestão no ranking Financial Times, assunto que acho só não foi abordado nos jornais da bola.

E porém nenhum jornalista achou por bem questionar-se por que carga de água tão excelente desempenho das Portuguesas escolas de gestão não se reflecte no desempenho da área científica que lhe está associada no ranking Shanghai Top 500, como se percebe pelo link no email abaixo de 17 de Setembro, que novamente reproduzo, https://www.docdroid.net/RX2xh1G/portug ... anking.pdf onde a mesma não se conta entre as áreas com melhor desempenho, realçadas a azul e principalmente a amarelo.

Aliás não deixa de ser paradoxal e até caricato que havendo em Portugal tantas excelentes escolas de gestão que já formaram milhares de excelentíssimos gestores, que hoje no Público haja artigo que se inicie da seguinte forma: “Ano após ano, continuamos na cauda da Europa em termos de produtividade do trabalho por hora trabalhada, sendo que em 2017 ainda piorámos o desempenho...”restando por isso concluir que a excelência das nossas escolas de gestão ainda não chegou às empresas e nem se sabe se algum dia lá chegará. E já agora como explicar que em muitas empresas a remuneração dos excelentes gestores não seja afectada pelo desempenho da empresa, havendo até muitos que muito recebem mesmo que o desempenho da empresa seja mediano ou até medíocre como ontem foi reportado no jornal Público ? https://www.publico.pt/2018/12/02/econo ... sa-1853049

Faz por isso todo o sentido perguntar, o que mede um ranking de escolas baseado nos salários dos diplomados ? Será mesmo a excelência do ensino que por lá se pratica ? E se alguém se lembrasse de fazer ranking similar para escolas de engenharia e tendo em conta os miseráveis salários de muitos jovens engenheiros, incluindo muitos diplomados pelo IST (o Bastonário da Ordem dos Engenheiros fala mesmo em salários indignos) qual seria a posição do IST e de outras escolas de engenharia Portuguesas no referido ranking ?

P.S - É claro que muitos colegas das referidas excelentes escolas de gestão que agora andam muito ufanos com a posição da sua escola no referido ranking ficarão ressentidos com o facto de o ter designado como ranking da treta. A esses Colegas apenas seis singelas e académicas perguntinhas:

Como é que escolas de um país pobre podem aparecer destacadas num ranking baseados em salários dos diplomados ? Será que os únicos alunos Portugueses que responderam aos inquéritos estão a trabalhar no estrangeiro ? Porque é que o Financial Times não revela quantos inquéritos recebeu de cada uma das escolas que aparecem no tal ranking ? Quem é que garante ou confirma a veracidade daquilo que está nos inquéritos ? Alguém pode garantir que uma escola que recebeu resposta a um elevado número de inquéritos não tenha eliminado aqueles inquéritos associados a menores remunerações ? O Financial Times diz que aceita a candidatura daquelas escolas, onde mais de 20% dos diplomados responderam aos inquéritos, com um mínimo de 20 inquéritos. Ainda admitindo que todo o processo é transparente e integro e que nenhum aluno mentiu no inquérito (deixa-me rir) será que estes valores são representativos do que quer que seja ?


______________________________________________________________________
De: F. Pacheco Torgal
Enviado: 28 de Novembro de 2018 6:59
Assunto: Highly Cited Researchers 2018___Uma proposta

Lista oficial definitiva dos Highly Cited Researchers 2018 foi revelada hoje. Em anexo o executive summary.

A parte interessante não é tanto a situação de Portugal cuja lista oficial é idêntica à lista provisoria comentada no email abaixo, mas antes ver como é que a imprensa em Portugal (não) trata o tema, preferindo dedicar-se de preferência a assuntos da bola (no passado mês de junho o historiador Rui Tavares escreveu no Público sobre as mais de mil horas de tempo que naquela data já tinham sido gastas pelas televisões com a novela do Sporting) e como é que em muitos outros países o fazem
https://www.studium.at/40-oesterreich-t ... nschaftern
https://www.presseportal.de/pm/122005/4126903
https://sevilla.abc.es/sevilla/sevi-ing ... ticia.html
https://today.duke.edu/2018/11/duke-fac ... 80%99-list

Interessante também é o facto de várias universidades europeias terem mais HCRs do que todo o ensino superior Português, desde logo a Univ Erasmus de Roterdão tem mais do dobro (embora o seu orçamento não seja o dobro do orçamento do nosso ensino superior) e já nem falo de Oxford ou Cambridge !

E já que o Estado Português não vai dar nenhuma distinção, nem sequer um único euro a estes HCRs (ao contrario do que sucede por exemplo com os nossos atletas olímpicos a quem o nosso país paga mais do que o fazem países mais ricos que o nosso) porque não dar o nome deles a uma sala de aula ? Na campanha de angariação de fundos da NovaSBE um donativo de 75.000 euros dava direito a ter o nome numa sala, pois bem conseguir chegar a HCR é algo que vale muitíssimo mais do que 75.000 euros. Na verdade há quem tenha ganho milhões de euros em projectos, tenha centenas de artigos publicados em revistas internacionais e ainda assim nunca tenha sido HCR, como é por exemplo o caso dos dois campeões de bolsas milionárias, os catedráticos Rui Reis e Elvira Fortunato.


Topo 
 Perfil  
Resposta com citações  
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
 
Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 1 mensagem ] 

Índice do Fórum » Geral » Novidades, Notícias e Avisos


Quem está ligado

Utilizadores a navegar neste fórum: Bing [Bot], Google [Bot] e 5 visitantes

 
 

 
Criar Tópicos: Proibído
Responder Tópicos: Proibído
Editar mensagens: Proibído
Apagar mensagens: Proibído
Enviar anexos: Proibído

Pesquisar por:
Ir para:  
Alojamento oferecido por David A.