Registar    Entrar    Fórum    Pesquisar    FAQ     RSS

Índice do Fórum » Assuntos a debate » Prioridades e estratégias


Regras do fórum


"Prioridades e estratégias"; cujo objectivo é a discussão daquilo que os bolseiros consideram ser as prioridades para a melhoria das suas condições enquanto jovens investigadores e as estratégias a seguir para atingir os objectivos propostos.



Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 3 mensagens ] 
Autor Mensagem
 Assunto da Mensagem: A política de ciência não se constrói com medidas avulsas
 Mensagem Enviado: Domingo Maio 21, 2006 2:19 pm 
Offline
recém-chegado
recém-chegado

Registado: Domingo Maio 21, 2006 2:15 pm
Mensagens: 4
Localização: MMCN/CSIC - Universidade de Oxford
O Estado Português tem investido somas assinaláveis a exportar mão de obra qualificada para o estrangeiro. Através do programa de bolsas de doutoramento da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT), o Estado patrocinou jovens para que se formassem nalgumas das melhores universidades do mundo. A aposta foi correcta: - enviar jovens para fora, para que se formassem em sistemas académicos excelentes e regressassem trazendo alguma dessa excelência para o sistema académico Português.

Acontece que a grande maioria destes jovens não regressa. Não porque não queiram, mas porque a concessão das bolsas de formação não foi acompanhada das reformas necessárias para que os novos doutorados pudessem competir, no mercado de trabalho, em igualdade de circunstâncias, com os que ficaram.

A solução para este problema requer coragem pois implica reformar o sistema académico Português enfrentando corporações e sindicatos. Todavia, o actual Ministro da Ciência e do Ensino Superior, José Mariano Gago, tem feito pouco para alterar o estado das coisas restringindo-se ao anuncio de medidas avulsas para a ciência. O tempo escasseia e cada ano desperdiçado implica a perda, para o País, de gerações de investigadores.

texto completo em: http://ambio.blogspot.com/


Topo 
 Perfil  
Resposta com citações  
 Assunto da Mensagem: Re: A política de ciência não se constrói com medidas avulsa
 Mensagem Enviado: Segunda Maio 22, 2006 3:38 pm 
Offline
Sócios
Sócios

Registado: Segunda Maio 17, 2004 10:57 am
Mensagens: 362
Localização: Ansiao
Universidade/ Instituto: Ansiao
Ola

ver este topico, para ver se ha uma resposta :-)

viewtopic.php?t=1012&highlight


Topo 
 Perfil  
Resposta com citações  
 Assunto da Mensagem: Re: A política de ciência não se constrói com medidas avulsa
 Mensagem Enviado: Quarta Dez 12, 2012 10:46 am 
Offline
investigador em formação
investigador em formação

Registado: Quarta Out 19, 2011 12:24 pm
Mensagens: 68
Localização: Departamento de Física, Universidade de Coimbra,, Rua Larga, 3004-516 Coimbra.
Universidade/ Instituto: Coimbra University
Maraujo Escreveu:
"[. . .]

A solução para este problema requer coragem pois implica reformar o sistema académico Português enfrentando corporações e sindicatos. Todavia, o actual Ministro da Ciência e do Ensino Superior, José Mariano Gago, tem feito pouco para alterar o estado das coisas restringindo-se ao anuncio de medidas avulsas para a ciência. O tempo escasseia e cada ano desperdiçado implica a perda, para o País, de gerações de investigadores.

texto completo em: http://ambio.blogspot.com/ "


Someone called José Mariano Gago (possibly not the person who Maraujo mentioned) is a director of an institution which I conduct research for (Laboratório de Instrumentação e Física Experimental de Partículas - LIP).

I wished to protect and warn people, therefore I emailed advice to José Mariano Gago:
Citar:
"On August 2nd, 2012, José Mariano Gago emailed[ to colleagues of the institution Laboratório de Instrumentação e Física Experimental de Partículas - LIP]:
Citar:
"[. . .]

b) Missão ao ESTEC (ESA) [. . . I had censored this after being summoned to meetings with superiors after this whistleblowing email which preceded my posting of viewtopic.php?f=1&t=5065 but I have uncensored it] para abertura de novas oportunidades de
colaboração LIP-ESA.

[. . .]"


Dear Dr. José Mariano Gago:

Be careful of the consequences of letting innocent people be tricked by ESA. Some people I met in ESTEC were nice, but some were extraordinarily evil. In my case, I was lied to about money, therefore I became dangerously poor. Amongst other things I was unable to afford shoes to replace old shoes, so damaged footwear made me bleed. Evil workmates teased me about this footwear.

I never received an apology nor what I had been promised.

There are more details in the attachment ESA.pdf which starts with a copy of an unanswered letter to Karen Fletcher of ESA which I sent in 2010.
Yours sincerely,
Colin Paul Gloster"


Neither José Mariano Gago nor the institution Laboratório de Instrumentação e Física Experimental de Partículas - LIP was appreciative of this warning from me. Instead I was summoned to meetings with superiors after this whistleblowing email which preceded my posting of viewtopic.php?f=1&t=5065


Topo 
 Perfil  
Resposta com citações  
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
 
Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 3 mensagens ] 

Índice do Fórum » Assuntos a debate » Prioridades e estratégias


Quem está ligado

Utilizadores a navegar neste fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes

 
 

 
Criar Tópicos: Proibído
Responder Tópicos: Proibído
Editar mensagens: Proibído
Apagar mensagens: Proibído
Enviar anexos: Proibído

Pesquisar por:
Ir para:  
Alojamento oferecido por David A.